medjugorjebrasil




Entrevistas
  • Voltar






17/12/12
21. O MISTERIOSO GIRO DO SOL



21. O MISTERIOSO GIRO DO SOL

 

 

Yanko -     No dia 2 de agosto de 1981, aconteceu algo que a maio­ria das pessoas nunca teve oportunidade de ver.

Vicka - Você se refere à aparição de Nossa Senhora sobre nossa antiga eira?

Y. Não. Falo daquele estranho giro do sol que foi visto por um grande número de pessoas.

V. Você viu?

Y. Infelizmente não, mas adoraria tê-lo visto. Mas ouça o que me contou um jovem observador:

 

“No dia 2 de agosto de 1981, por volta das 18 horas, exatamente à hora em que a Santa Virgem fazia habitualmente suas aparições aos videntes, encontrava-me com muitas outras pessoas na igreja de Medjugorje. E de repente, vi um misterioso giro do sol. Fiquei do lado sul da igreja para poder observar melhor o que se passava. No começo tive a impressão de que um anel luminoso se destacava do sol e descia para a terra. Era ao mesmo tempo esplêndido e terrificante. Em seguida o sol começou a balançar. Depois uma espécie de balão saiu do sol e se dirigiu para Medjugorje.”

 

Todos que estavam perto deste homem viram o mesmo que ele. Um motorista de táxi que se dirigia a Vitine disse ter visto a mesma coisa. Todos aqueles que viram este espetáculo tive­ram muito medo e pediram que Nossa Senhora viesse socorrê-los.

V. E tudo acabou por aí?

Y. Não, depois disso um facho de luz se destacou do Sol como um clarão e tomou a forma de um arco-íris do lado direito onde Nossa Senhora apareceu. Depois o raio se destacou em direção ao campanário da igreja, onde o homem viu perfeita­mente a forma da Santa Virgem. Mas sem a coroa, confor­me disse.

V. Este relato é bem parecido com o que contaram os meus ami­gos que observaram o fenômeno.

Y. E no espaço de meia hora, tudo se acalmou, salvo as emoções que mesmo hoje muitos não conseguem esquecer. O jovem me disse que poderia confirmar seu relato com juramento, e um padre confiável me contou o ocorrido de maneira quase idên­tica. Ele também se encontrava em Medjugorje. A única dife­rença entre seus relatos é que o padre não viu a Santa Virgem ao lado do campanário.

V. Mas quem era esta testemunha?

Y. Era Niko Vasilij, de Ante, que mora em Podmiletina. Ele me autorizou a citá-lo se houvesse necessidade de uma testemunha. Você vê, Vicka, que eu também sei contar quando é preciso e não só fazer perguntas.



Artigo Visto: 5291