Preparai os caminhos do Senhor !!!

Abaixo lemos s a homilia do papa Bento XVI na praça de São Pedro no dia 08 de dezembro de 2007

 Queridos Irmãos e Irmãs em Cristo !

Ontem, na solenidade da Imaculada Conceição, a liturgia nos convida a voltar-nos e contemplar Maria, mãe de Jesus e nossa mãe, estrela da esperança para cada homem. Hoje, no segundo domingo do advento, a liturgia nos apresenta a austera figura do precursor, de quem o evangelista Mateus inicia deste modo: “João Batista apareceu, pregando no deserto da Judéia e dizendo: “Arrependam-se, pois o Reino de Deus está próximo” (Mt 3,1-2)

 

Sua missão foi aplainar os caminhos antes do Messias, chamando as pessoas de Israel a arrepender-se de seus pecados e corrigir toda a iniqüidade. João Batista anunciou o eminente julgamento com as exigentes palavras: “Cada árvore que não produzir bons frutos será cortada e jogada ao fogo” (Mt, 3:10). Desafiou a hipocrisia daqueles que se sentiam seguros simplesmente porque pertenciam ao povo escolhido. Diante de Deus, ele disse, ninguém tem direito a ostentação, mas deve produzir “bons frutos como evidência da conversão” (Mt 3:8).

 

No segmento da caminhada do advento, nos preparamos para celebrar o nascimento de Cristo, a chamada de João Batista a conversão ressoa em nossas comunidades. Um urgente convite para abrir nossos corações e dar as boas-vindas ao Filho de Deus que vem em nosso meio para tornar o julgamento divino manifesto.

 

O Pai, escreve o evangelista João, na julga ninguém, mas ao contrário confiou o poder de julgar ao Filho do Homem (JO 5:22-27). E hoje, no presente, em que nosso futuro destino sustenta: o modo concreto que nós conduzimos a nós mesmos em nossa vida decide nosso destino final. No entardecer de nossos dias sobre a terra, no momento da morte, nós seremos avaliados de acordo se parecemos com a criança que nasceu na pequena gruta de Belém, desde que Ele é o critério pelo qual Deus mede a humanidade.

 

O Pai Celestial, no qual o nascimento de Seu Filho bem amado manifesta Seu Amor Misericordioso para nós, nos chamando a seguir seus passos, fazendo de nossa existência, como Ele fez, um presente de amor. E os frutos do amor são os bons frutos de conversão aos quais João Batista se refere, quando aponta suas palavras para os fariseus e saduceus que vão em multidões para o batismo de Cristo.

 

Através do Evangelho, João Batista continua a falar através dos séculos, para cada geração. Estas claras e duras palavras são mais que salutares para nós homens e mulheres de hoje, mesmo que percebamos o Natal seja afetado pela mentalidade materialista.

 

A voz do grande profeta nos pede para prepararmos o caminho do Senhor que vem nos desertos de hoje, desertos externos e internos, sedentos pela Água Viva que é o Cristo. Que possa a Virgem Maria nos guie para uma conversão verdadeira do coração, que nós possamos fazer as escolhas necessárias para fazer nossas mentes estarem em sintonia com o Evangelho.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------

Outra voz que diz para nos prepararmos para o caminho do Senhor, é por isto que a Rainha dos Profetas, através das suas mensagens de Medjugorje, isto não é coincidência que ela primeiramente apareceu em Medjugorje em 24 de junho de 1981, na festa de João Batista. Dois dias depois, sua mensagem foi: Paz, Paz, Paz Reconciliem-se! Somente paz. Fazer as pazes com Deus e entre vocês mesmos.

 

Queridos filhos! Hoje Eu os convido a se prepararem para a vinda de Jesus. De modo especial, preparem seus corações. Que a santa Confissão seja, para vocês, o primeiro passo para conversão e, depois, queridos filhos, decidam-se pela santidade. Que a conversão de vocês e sua decisão pela santidade comecem hoje e não amanhã. Filhinhos, Eu os convido, a todos, para a estrada da salvação e desejo mostrar-lhes a caminho do Paraíso. Por isso, filhinhos, sejam meus e decidam-se comigo pela santidade. Filhinhos, aceitem a oração com seriedade e rezem, rezem, rezem. Obrigada por terem correspondido a meu apelo. (25.10.98)

agradecimentos a Bernard Gallagher - Crown of Stars - UK